quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Hematomas, Contusões e Dores no Jiu Jitsu parte II

Nesse texto vou abordar como evitar, como cuidar e de especificas dores na:

-Articulações
-Mãos
-Pescoço/Cervical

Assim como você evolui no jiu jitsu os hematomas, contusões e dores evoluem com você. Parece até piada mas a verdade é que ou você se cobra muito e tem tanto medo de passar vergonha que as vezes está fazendo qualquer coisa pra não ser finalizado por pessoas de faixas abaixo de você, ou você está na cobrança de querer treinar como se o mundo fosse acabar.
Entendam nosso corpo é uma máquina e máquinas falham eu não sou médico e não preciso de um CRM pra poder falar disso , mas nosso corpo precisa de manutenção . Mas como faço isso? 
Alimentação , nutrição , descanso e manutenção ou seja comer bem e regrada mente é importante. Comecei a tomar BCAA pois estava sentindo meu corpo muito fadigado durante e depois dos treinos, eu confesso que nunca fui fã dessas coisas mas não tenho mais 19 anos de idade e meu corpo com 6% de gordura de quando era ginasta, com 30 anos sinto que o metabolismo não é o mesmo apesar de ainda treinar pesado e muito mais que a molecada de 19 anos, vejo a necessidade de uma alimentação regrada e ainda por cima uma suplementação pra cobrir certos nutrientes que o músculo precisa e o corpo não produz. Procure uma nutricionista e pesquise bem pois isso vai te ajudar a prever futuras lesões. Descanso é essencial pois sua cabeça vai estar mais apita para aprender e se você não descansa bem você treina até estressado, pois a fadiga vem muito mais rápido e nesse momento é que muita coisa acontece principalmente as contusões.
Um dos melhores anti-inflamatórios é o gelo, faça compressa de gelo 3 vezes ao dia durante 20 minutos na área afetada pela dor.
blog trilhando o caminho
Fazer pegada pra quem está iniciando causa dores estremas na articulação da mão, um pote com gelo depois dos treinos submergindo a mão de 5 até no máximo 10 minutos é uma ótima forma de aliviar esse tipo de dor, se a mão começar a formigar durante esse tempo tire a mão e aqueça rapidamente com uma toalha envolvida.
Quando comecei a treinar minha mão vivia latejando e como trabalho em escritório mexendo no computador era algo insuportável, não desisti e comecei a fortalecer minha pegada.
Como evitar esses tipos de dores nas mãos?
Evite fazer força desnecessária durante o rola, controle sua força e lembre se que o Jiu Jitsu é máxima eficiência e mínimo de força.
Blog trilhando o caminho
Dores no pescoço pode ser algo grave lembrando que sentir dor muscular é uma coisa e na articulação é outra. Durante o treino o pescoço é forçado muito pra frente e para traz dependendo do golpe que você está levando ou do movimento que você está fazendo apoiando a cabeça.
Entorse e Tensão cervical são duas coisas diferentes.
Entorse: Uma entorse produz-se quando os meios que unem os ossos (chamados ligamentos) sofrem um desgarro, alongamento ou distensão devido a um movimento brusco ou uma tensão forte (golpe de chicote cervical), neste caso do pescoço, e acaba desestabilizando os ligamentos danificados.
Tensão: Com as preocupações diárias, estresse, má postura e tanta correria aparecem as dores. Uma das dores mais comuns no final do dia é a tensão cervical, uma dor no pescoço e nuca que dão a sensação de peso, aperto e cansaço no final do dia causando indisposição. Um dia difícil é denunciado pelo aparecimento de dores e tensões nos músculos cervicais. Esta é uma área muito sensível e pouco movimentada durante o dia-a-dia.
Lembre-se que vaidade não leva ninguém a nenhum lugar, mostrar que é machão para os outros e treinar machucado é burrice.
A cervical e a coluna levam informação para seu corpo inteiro, então melhor se cuidar e treinar até ficar velho do que se machucar e ficar em uma cadeira de rodas.
Em caso de não melhora procure um médico com urgência.
Galera espero que tenham gostado, compartilhem, curta o blog pela página do facebook.

Frase da vez por Jean Jacque Machado:
“No Jiu Jitsu não é o que você vê! É tudo sobre o que você não vê.

Oss!

Bibliografia: Tensão Cervical /Entorse Cervical .






Nenhum comentário:

Postar um comentário